A Câmara Municipal e a Parmontes – empresa gestora do Parque Empresarial, estabeleceram um protocolo de cooperação para incentivar a fixação de empresas na área empresarial junto à Estrada Nacional 2. São várias as empresas que já se instalaram neste parque e a gestora pretende requalificar a zona nascente da antiga Tabopan, criando 48 novas unidades empresariais.
Tendo por base o protocolo, a autarquia apoia a fixação de novas empresas, através da comparticipação em 33% do valor da renda relativa ao primeiro ano de atividade da empresa que se instale no respetivo parque. Por sua vez, a Parmontes procede à redução do valor da renda em igual percentagem e durante o mesmo período.
Para o presidente da Câmara, Alberto Machado, este acordo visa incentivar a iniciativa privada pelo que a autarquia está ao lado dos empresários com a implementação de medidas para a criação de emprego.
Em suma, uma empresa que se instale no Parque Empresarial de Vila Pouca de Aguiar pode usufruir de uma redução da renda em 66% durante o primeiro ano de atividade e integrar as campanhas de divulgação do espaço e iniciativas do Parque Empresarial, que contam com a colaboração do Município.
O Parque Empresarial de Vila Pouca de Aguiar – que dista em cerca de seis quilómetros dos nós das autoestradas A24 e da A7 – é gerido pela Parmontes (Sociedade de Promoção e Gestão de Parques Empresariais de Trás-os-Montes).

Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial