A Chama da Solidariedade está em Vila Pouca de Aguiar para salientar a importância de termos «uma sociedade solidária».

Alberto Machado, presidente da Câmara dirigiu-se às pessoas que integraram o desfile, em grande parte, crianças e pessoas mais idosas, evocando a libertação das pombas, símbolo da paz. Além de IPSS do concelho, Agrupamento de Escolas, Bombeiros, GNR e Escuteiros marcaram presença nesta festa social.

A chama saiu da praça João Paulo II, passou pela Urbaguiar, Praça 25 de Abril, rua Duque D’Ávila e Bolama e praça Luís de Camões onde o provedor da Santa Casa da Misericórdia local, Domingos Dias entregou a chama ao presidente do Município, Alberto Machado.

Neste local, duas crianças protagonizaram um momento simbólico de poesia e música, lembrando que a bondade é benévola. A XIII Festa da Solidariedade é promovida pela CNIS – Confederação Nacional das Instituições de Solidariedade. Amanhã, 22 de maio, irá passar em Chaves.