O presidente da Câmara Municipal de Vila Pouca de Aguiar, Alberto Machado assinou hoje, 7 de maio, o contrato de concessão de exploração da Água do Cardal.

Alberto Machado sublinha que «esta concessão teve um parto longo e difícil, mas finalmente nasceu»; o autarca tem a certeza que «com o empenho de todos será possível desenvolver-se de forma saudável contribuindo para o crescimento não só do nosso território, mas de toda a região».

No Ministério do Ambiente e da Transição Energética, em Lisboa, foi assinado, entre o Estado Português e o Município de Vila Pouca de Aguiar, o contrato de concessão de exploração da água mineral com o número de cadastro HM-77 e com a denominação Cardal entrando em vigor a 7 de maio de 2019 e pelo período inicial de 50 anos.

No ato simbólico de assinatura do contrato, o autarca foi parabenizado pela subdiretora da Direção-Geral de Energia e Geologia, Maria Lourenço, a representante do Estado.