Há uma guerra silenciosa entre a vespa velutina e os apicultores mas do lado destes está a Proteção Civil que é responsável por dizimar os ninhos desta praga também conhecida por vespa asiática.

Em resposta à denúncia de um apicultor local e referenciada por técnicos da associação Aguiarfloresta, uma equipa da Proteção Civil Municipal deslocou-se ao terreno com o intuito de dizimar o ninho invasor.

Desta feita, o ninho encontra-se no cume de uma oliveira. Em casos anteriores no concelho, já avistámos um no cume de um castanheiro e outro na parte exterior de uma habitação.

Munida do equipamento necessário para atacar o ninho, a equipa aproximou-se do local e aplicou o líquido que serve de alimento fatal desta praga que está a dar cabo dos apiários. A mais recente ação verificou-se a 18 de setembro no norte do concelho.

A rápida deteção e eliminação dos ninhos de vespa velutina levam ao controlo da praga e à minimização da sua expansão nas regiões afetadas.