O presidente da Câmara Municipal de Vila Pouca de Aguiar, Alberto Machado garantiu a colocação de médico em Jales “a partir da próxima semana e pelo período estimado de oito meses”.

Em reunião com a população das freguesias de Alfarela de Jales e Vreia de Jales, que esta quinta-feira, 1 de novembro, encheu por completo o auditório do Conselho Diretivo de Campo de Jales tendo-se “manifestado indignada com o Ministério da Saúde pela falta de médico”, os autarcas do Município e das Freguesias envolvidas efetuaram o ponto de situação relativo à Unidade de Saúde em Campo de Jales.

 

O Município garantiu junto Administração Regional de Saúde do Norte a autorização para que o médico contratado pela autarquia possa ter acesso ao sistema de saúde para servir condignamente cerca de 1.300 pessoas no planalto de Jales.

A Unidade de Saúde em Campo de Jales serve, essencialmente, as pessoas das aldeias das freguesias de Alfarela de Jales e Vreia de Jales (Vila Pouca de Aguiar) e da União de Freguesias de Carva e Vilares (Murça).