Após o conhecimento da demissão do Comandante dos Bombeiros, José Relvas, o presidente da Câmara Municipal, Alberto Machado convocou de imediato a direção dos Bombeiros Voluntários de Vila Pouca de Aguiar, liderada por José Eduardo Quinteiro, e o comandante demissionário, devido à possibilidade de haver instabilidade no início do período crítico de incêndios.

Alberto Machado mostrou-se surpreendido e preocupado com a situação ocorrida, mas os responsáveis envolvidos salvaguardaram a disposição dos meios, desde logo, porque a segunda comandante, Diana Silva, tem acompanhado toda a operação de planeamento na prevenção e combate aos incêndios.

Nas reuniões de 24 de junho, as pessoas envolvidas asseguraram ao presidente da Câmara – a maior autoridade da proteção civil no concelho – que o conflito entre Direção e Comandante não coloca em causa a prevenção e combate aos fogos no concelho.