Já está em fase de execução uma réplica da estátua do Guerreiro Celta de Capeludos, que está a ser efetuada num atelier portuense.

O valor da réplica de uma estátua antiquíssima é de cinco mil euros, financiada pelo Ministério da Cultura e conta com o apoio do Município.

Uma comitiva de aguiarenses já se deslocou às instalações da empresa MCMaquetes, que está a executar a réplica (imitação é com granito da nossa região e o material inclui poliésteres e resina para película protetora); o acompanhamento está a ser efetuado por Armando da Silva, da Faculdade de Letras da Universidade do Porto.

Podendo ser do segundo século a.C., o Guerreiro Celta de Capeludos foi doado pelo padre José Rafael Rodrigues, em 1902, a Martins Sarmento, fundador do Museu Nacional de Arqueologia. A estátua encontra-se na sala principal, sendo um importante tesouro nacional.