A Feira das Cebolas atraiu muita gente à sede de concelho, em especial no dia da feira, 25 de setembro. Cerca de trinta toneladas de cebolas foram vendidas entre os dias 24 e 25 de setembro na mais importante feira de Vila Pouca de Aguiar.

Sessenta produtores, locais e da região foram escoando cebolas e outros produtos do campo, desde hortícolas a frutícolas. Residentes e migrantes encontraram-se na feira e à mesa das tasquinhas ou de restaurantes onde houve muitos pratos associados à feira: caldo de cebola, punheta de bacalhau, bacalhau de cebolada, pataniscas, pão de cebola,…

O presidente da Câmara Municipal, Alberto Machado e mais membros do executivo municipal agraciaram concorrentes dos diferentes concursos; os vencedores da maior cebola foram José Gonçalves, Alfredo Santos e Eliseu Rego com exemplares de 1737g, 1638g e 1618g, respetivamente. No malhão, os melhores foram André Ribeiro (5,68m), José Domingues (5,29m) e Aniceto Oliveira (5,59m). Na corrida de cavalos, Ricardo Salgueiro a correr com Rodaco, Joaquim Santos com Anjo e Carlos Africano com Íris foram os melhores de entre mais de três dezenas de conjuntos.

No Concurso Pecuário, Francisco Borges venceu em novilhas sem desfecho, João Daniel em novilhas com 1º desfecho, Joaquim Carvalho em vacas isoladas, João Sousa em junta de vacas, Joaquim Teixeira em novilhos sem desfecho, Daniel Gaspar em touros com 1º desfecho, Carlos Meireles em touros reprodutores, Filipe Mestre em junta de bois. O concurso de gado maronês promove a raça autóctone.

Na animação, é de realçar as desfolhadas para miúdos e graúdos, o teatro de rua pela Filandorra, as concertinas e alunos do Maike Calvão, e Canário e os Amigos. A Feira das Cebolas é a festa do mundo rural sendo conhecida em todo o país.